quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

DIFERENTES ESTADOS DA ALMA NA ERRATICIDADE



A casa do pai é o universo. As diferentes moradas são os mundos que circulam no espaço infinito, oferecendo aos espíritos desencarnados estações apropriadas ao seu adiantamento. Independentemente da diversidade dos mundos, essas palavras podem também ser interpretadas pelo estado feliz ou infeliz dos espíritos na erraticidade. conforme for ele mais ou menos puro e liberto das atrações materiais, o meio em que estiver, o aspecto das coisas, as sensações que experimentar, as percepções que possuir, tudo isso varia ao infinito. Enquanto uns, por exemplo, não podem afastar-se do meio em que viveram, outros se elevam e percorrem o espaço e os mundos. Enquanto certos Espíritos culpados erram nas trevas, os felizes gozam de uma luz resplandecente e do sublime espetáculo do infinito. Enquanto, enfim, o malvado, cheio de remorsos e pesares, frequentemente só, sem consolações, separado dos objetos da sua afeição, geme sob a opressão dos sofrimentos morais, o justo, junto aos que ama, goza de uma indizível felicidade.

3 comentários:

Mary Miranda disse...

Oi, Absair!
Fiquei muito pesarosa por vc não estar mais no diHITT!
Não entendi o porquê, mas não cabe a mim questioná-lo. Sei q tem os seus motivos.
Estava achando estranho q não o visse por lá...
Bem, a qualquer hora venho aqui com mais calma.
Um forte abraço,
Mary.

suzipan disse...

Eu é que agradeço a sua coragem também..rssrsr..mas entrei no seu porque gostei muito, muito mesmo.

bj

Luciana Kotaka disse...

Muito interessante sua postagem. Dia 16 começam meus estudos novamente, me sinto plena de energia e de tranquilidade estudando o espiritismo.
Beijos carinhosos

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...